Mundo Top
1
Camila Cabello & Shawn Mendes
Señorita
2
Diogo Piçarra
Coração
3
Taylor Swift
Lover
4
Puro L
Barcelona
5
Arianna Grande
Boyfriend
6
Jeremy Zucker
Comethru
 
NEWSLETTER RCP
Receba-a e esteja
sempre em dia
Informação
COVID-19: 409 mortos e 13.956 infetados em Portugal. 205 pessoas recuperaram

Mais 815 casos e 29 mortes em 24 horas. Os dados foram divulgados esta quinta-feira em conferência de imprensa pelo secretário de Estado da Saúde António Lacerda Sales.

Portugal regista hoje 409 mortes associadas à COVID-19, e 13.956 infetados, segundo o boletim epidemiológico divulgado pela Direção-Geral da Saúde (DGS). Relativamente a quarta-feira, há um aumento de 29 mortes (mais 7,6%). No total, há já 205 pessoas recuperadas.

O relatório da situação epidemiológica, com dados atualizados até às 24:00 de quarta-feira, indica que a região Norte é a que regista o maior número de mortes relacionadas com o vírus SARS-CoV-2, com 224 mortes, seguida da região Centro (104), da região de Lisboa e Vale do Tejo (72) e do Algarve (8). Há agora uma morte registada também nos Açores. No Alentejo e na Madeira não há óbitos registados.

Há 1.173 doentes internados, sendo que 241 pessoas estão em unidades de cuidados intensivos.

Desde 1 de janeiro já houve 115.158 casos suspeitos da doença, sendo que 97.401 não foram confirmados. Existem ainda 24.708 pessoas em vigilância pelas autoridades. Por outro lado, 3.801 pessoas aguardam resultado laboratorial.

Das 409 mortes registadas, 265 tinham mais de 80 anos, 88 tinham idades entre os 70 e os 79 anos, 42 entre os 60 e os 69 anos, 10 entre os 50 e os 59 anos e quatro óbitos entre os 40 aos 49 anos.

Os dados da DGS, que se referem a 79% dos casos confirmados, precisam que Lisboa é o concelho que regista o maior número de casos de infeção pelo coronavírus SARS-CoV-2 (797), seguida do Porto (776 casos), Vila Nova de Gaia (631).

A região Norte continua a registar o maior número de infeções, totalizando 8.102, seguida da região de Lisboa e Vale do Tejo, com 3.451 casos, da região Centro (1.905), do Algarve (260) e do Alentejo, que hoje apresenta 94 casos. Nos Açores, existem 91 casos e na Madeira 53.